Não categorizado

AUTOANTICORPOS NA SÍNDROME ANTI-SÍNTETASE

Autoanticorpos na síndrome anti-sintetase

New Picture

Público alvo: técnico.

Complementando o post anterior de hoje, vamos ver os autoanticorpos descritos nas polimiosites e síndrome anti-sintetase. A sua determinação é feita em laboratórios no exterior por imunoprecipitação (foto).

AUTOANTÍGENOS E AUTOANTICORPOS NAS POLIMIOSITES EDERMATOMIOSITES

Autoantígeno Estrutura Molecular Prevalência
Jo-1 Histidyl tRNA synthetase protein, 52 kD 23 -36 % na PM
PL-7 Threonyl tRNA synthetase protein, 80 kD 4 % na PM
PL –12 Alanyl tRNA synthetase protein, 110 kD 3 % na PM
Zo Phenylalanyl-tRNA synthetase < 3% na PM
YRS Tyrosyl-tRNA synthetase < 3% na PM
KS Asparaginyl-tRNA synthetase < 3% na PM
Mi-2 Nuclear protein complex, proteins 53 and 61 kD 15 – 35% na PM; 5 – 9% na DM
Signal Recognition Particle (SRP) Protein 54 kD complexed with 7 SL RNA 4 –5 % na PM; não ocorre em DM
PM-Scl Complex of 11 proteins,110 –120 KD 8 –12 % na PM; 25% na superposição PM/esclerodermia
U1nRNP spliceosome complex 4 – 17% na PM/DM
SAE Small ubiquitin-like modifier activating enzyme 4% em miosites, 8% na DM
p155(/p140) p155-TIF1-gama (involved in nuclear transcription and cellular differentiation) 21% em miosites, 75% na DM do adulto, possível associação com câncer (forma para-neoplásica)
56 kD 56 kD, RNP component 80 % em miosites
EJ
glycyl-tRNA synthetase <3% na PM
OJ isoleucyl-tRNA synthetase < 3% na PM

 

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s